Perdendo-me - Cora Carmack (Losing It #1)

Título Original: Losing It
Autor (a): Cora Carmack
Data de Publicação: 2014
Número de Páginas: 
288
Editora: Novo Conceito
Série: Losing It #1
Classificação: 
Livro Cedido em Parceria com a editora Novo Conceito


VIRGINDADE. Bliss Edwards vai se formar na faculdade e ainda tem a sua. Chateada por ser a única virgem da turma, ela decide que o único jeito de lidar com o problema é perdê-lo da maneira mais rápida e simples possível com uma noite de sexo casual. Tudo se complica quando, usando a mais esfarrapada das desculpas, ela abandona um cara charmosíssimo em sua própria cama. Como se isso não fosse suficientemente embaraçoso, Bliss chega à faculdade para a primeira aula do último semestre e... adivinhe quem ela encontra?

Tenho lido muitos new adults ultimamente e apesar de gostar bastante do gênero e ter encontrado boas histórias, não tive muita sorte nas minhas últimas leituras. Quando comecei Perdendo-me tentei evitar as expectativas, não li nenhuma sinopse ou resenha, tudo que eu queria era um bom livro que me permitisse alguns momentos de diversão e foi exatamente isso que eu encontrei.

Perdendo-me de Cora Carmack é um NA romântico, sensual, cativante e muito divertido, o tipo de livro que você pega para dar uma folheada e quando percebe já está quase na metade. A história é um pouco clichê, mas seu desenvolvimento é tão bem estruturado, a narração é tão engraçada e os diálogos são tão envolventes, que ele conseguiu ganhar seu espaço e me conquistar.

Diferente de todos os livros do gênero que chegaram as minhas mãos até agora, Perdendo-me não tem uma trama carregada de momentos dramáticos, situações complicadas ou segredos do passado que podem fazer um grande estrago no relacionamento do casal e esse foi um fator que contou muito para que a leitura fluísse bem e o livro me conquistasse. Garrick e Bliss vão sim passar por situações complicadas (derivadas do fato dele ser o professor dela na universidade) antes de ficarem juntos, mas o mais provável é que essas situações nos arranquem gargalhadas ao invés de nos deixar com lágrimas nos olhos e com o coração apertado. 

A história é narrada por Bliss uma das protagonistas mais divertidas e malucas que eu já encontrei. Perdi a conta de quantas vezes seus pensamentos me fizeram gargalhar. Gostei da sua personalidade decidida, madura e seu jeito livre de viver, mas  sua atitude com relação a sexo me incomodou um pouco. Ela tinha 21 anos e era virgem porque tinha um bloqueio e nunca conseguia ir além com nenhum garoto, de repente olhou para Garrick e tudo mudou. Tudo bem que ele era lindo e tinha um sotaque maravilhoso, mas não justifica o fato de suas reservas com relação ao sexo terem ido para espaço e ela se jogar nos braços dele. Foi repentino demais e não fez muito sentido.

Garrick era maravilhoso, lindo e inteligente, consigo entender exatamente porque Bliss caiu de amores por ele. Entretanto, nem tudo é perfeito. No início, quando os dois ainda estavam começando a se envolver, no jogo da conquista, ele se mostrou um homem confiante, direto e certo de suas ações, depois ficou todo inseguro e bobo, parecendo um adolescente inexperiente. Por causa disso ele perdeu um pouco do brilho para mim, mas foi só um pouquinho mesmo.

Os dois tinham uma química incrível e ficavam perfeitos juntos, mas achei que o envolvimento deles aconteceu rápido demais. Não o físico, o emocional. Eles foram muito rápido do "eu te desejo" ao "eu te amo".

Com relação as cenas de sexo, a autora foi incrível nesse quesito. As coisas demoram um pouco para acontecer de verdade, enquanto isso vemos algumas cenas de pegação e preliminares de suspirar. Todas as cenas são sensuais sem apelar, tudo equilibrado e de muito bom gosto.

Além do romance a autora também fala um pouco sobre as dúvidas e incertezas de virar adulto, principalmente com relação ao mercado de trabalho. Conhecemos os amigos de Bliss e vemos a parte divertida da faculdade. Amigos, festas, brincadeiras e lembranças que nunca esqueceremos.

Uma história com personagens incríveis, narração envolvente e deliciosamente clichê, Perdendo-me é doce, divertido, sexy e irresistivelmente romântico.

7 comentários:

  1. Oie Caline =)

    Ai ... esse livro foi uma frustração para mim. Achei os personagens infantis e a história um tanto sei lá ... boba. Me pareceu algo que eu já li várias vezes sabe?

    Não sei acho que realmente não tenho mais idade para ler certas coisa rs... mas fico feliz que você tenha aproveitado mais da leitura do que eu ^^

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary


    ResponderExcluir
  2. Oi Caline!
    Estou com o livro aqui e, apesar de não ter me animado nenhum pouco com a história, vou acabar lendo, eventualmente. Pelo menos vou começar a leitura sem expectativas, talvez ele possa me surpreender.

    Beijos,
    http://www.epilogosefinais.com/

    ResponderExcluir
  3. Como falei, criei expectativas demais com esse livro e despenquei de um precipício.
    Achei ele com mais carinha de chick-lit do que propriamente de New Adult. Se não tivesse pegação pra valer, diria que é um chick kit disfarçado. Não sei, mas sinto que New Adult precisa de um pouco desse drama que foi esquecido pela autora aqui.
    Enfim... vamos ver como serão os próximos, não é?! hehe

    bjus
    terradecarol.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Estou doida pra ler esse livro, mas ainda não consegui comrpar pq inventei de fazer uma promessa de só comprar livros em dezembro :x mas espero achar online pra ler
    Beijos,

    Amanda
    Divã Literário
    Acompanhe o blog nas redes sociais:
    FACEBOOK|TWITTER|INSTAGRAM

    ResponderExcluir
  5. Oi, Caline!
    Adorei a resenha e super me empolgou pra ler o livro.
    Tô querendo algo nesse estilo, sem muito drama ou complicação.
    Já coloquei na lista de leituras!
    Beijos,

    Priscilla
    http://infinitasvidas.wordpress.com

    ResponderExcluir
  6. Olá, Caline.
    Eu recebi esse livro da NC, mas confesso que ainda não li e a obra não é minha prioridade da editora. Entretanto a história parece ser bacana e confesso que sua resenha me deu mais vontade de ler o livro, rsrs. Só não sei quando vou poder.
    Beijos.

    memorias-de-leitura.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Li esse livro há pouco tempo e também achei divertido (: Também tenho lido bastante NA's ultimamente, e olha que eu nem gosto taaanto assim desse estilo (eu curto e tal, mas sempre penso que poderia ter sido mais). Acho que eu curti Perdendo-me justamente por não ter aquele drama todo (só fui perceber isso agora, lendo sua resenha) e ser bastante divertido. A Bliss é uma figura, louca toda! Mas confesso que algumas partes eu queria sacudi-la, só de raiva.
    A leitura é bem rápida e deixa o leitor bem entretido. Acho que vale a pena (:

    Brunna Carolinne - My Favorite Book - @MFBook
    myfavoritebook-mfb.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Participe do blog... Deixe seu comentário!!!
Sua opiniões, idéias, sugestões... são muito importantes para mim.
Um xero!
P.S: Comentários anônimos não serão aceitos!!!

 
Mundo de Papel © Tema base por So Kawaii. Tecnologia do Blogger.