Garota Replay - Tammy Luciano

Título Original: Garota Replay
Data de Publicação: 2012
Número de Páginas: 144
Editora: Novo Conceito
Classificação:



Thizi é uma garota do bem, apaixonada pela vida. Mas, após uma madrugada trágica, sente que tudo à sua volta desmorona. Descobre que Tadeu, seu namorado, beijou uma garota em uma noitada e quebrou o nariz de Tito, melhor amigo de Thizi, quando soube que ele fotografou a prova da traição. Na mesma noite, Tadeu dirigiu bêbado e causou grave acidente, que deixou o amigo Gabiru em coma. Em meio a tanta decepção, Thizi encontra uma Replay de si mesma, uma igual. Agora, não mais a única do planeta, ela se sente a pessoa mais solitária do mundo e precisa entender que só o amor tem o poder de provocar as melhores mudanças. Garota Replay trará reflexões para desvendar os segredos da vida de Thizi. E da sua também... 

Já imaginou dar de cara com uma outra você andando por ai??? Essa é a premissa de Garota Replay o novo livro da autora Tammy Luciano.
O livro é curtinho, são apenas 144 páginas e a história é bem leve e sem grandes dramas. Apesar de ser bem fininho, o livro poderia ter algumas páginas a menos que não faria diferença no desenrolar da trama.

O enredo é bem interessante e poderia ter sido melhor desenvolvido (se isso tivesse acontecido, o livro poderia até ganhar mais algumas páginas), o romance poderia ter um enfoque maior e ganhar mais espaço, mas o que acontece é que ficamos presos nos devaneios de Thizi, a garota com uma replay. São páginas e páginas onde ela analisa todos os aspectos de sua vida, os erros, as escolhas não tomadas, as oportunidades desperdiçadas, e acompanhar todo esse processo de auto-análise tornou a leitura arrastada e meio chata.

Gosto de livros com bastante diálogos, mas é claro que eles precisam ser interessantes e ter conteúdo. Os diálogos dão mais dinâmica a história e permitem que outros personagens participem mais do livro. Mas Garota Replay é narrado por Thizi e como falei anteriormente a maior parte da narrativa se passa dentro da cabeça dela. São tantas dúvidas; tantas reclamações pelo namorado traíra, a família ausente que admito ter pulado alguns parágrafos.
Os diálogos são raros e rasos, quando finalmente encontramos algum em meio aos devaneios de Thizi eles são curtos e ai voltamos a mergulhar em seus pensamentos conflitantes e chatos.

Li algumas resenhas onde as pessoas disseram não gostar de Tito, amigo de Thizi. Mas como é possível não gostar de alguém que nem mesmo tivemos a chance de conhecer. É exatamente isso que acontece com o personagem. Ele tem pouca participação na história e se tivesse ganhado mais espaço no livro, sem dúvida conquistaria totalmente o nosso coração. Mesmo não falando quase nada e aparecendo pouquíssimas vezes, achei ele um fofo e com muito potencial para príncipe encantado.

Enquanto lia todas as desventuras de Thizi a única coisa que passava na minha cabeça era como a Tammy explicaria a existência dessa garota replay de forma convincente e aceitável. Levantei várias hipóteses, desde uma irmã gêmea até viagem no tempo, não acertei nenhuma das minhas especulações. Li várias críticas sobre o livro na blogosfera e mesmo as negativas afirmavam que o final era a melhor parte por ser completamente surpreendente. Como disse antes não acertei o que ou quem seria a garota replay, sinceramente esperava algo mirabolante e que fizesse com que aguentar Thizi devaneando o livro todo tivesse valido a pena, mas apesar do desfecho ser algo que eu não esperava foi fraco demais e totalmente sem graça.

Garota Replay deve ser encarado como uma leitura para o público infantil/adolescente por ter uma linguagem bem própria deles e ser uma história leve e descontraída. É um livro que deve ser lido sem grandes expectativas e aproveitado como uma boa distração.

7 comentários:

  1. Este livro, ainda não conseguiu chamar minha atenção, mas parece que não estou perdendo tempo. Mas parabéns pela resenha, mt boa!

    Lucas / Era uma vez...
    livrosecontos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Caline!
    Li este livro e detestei :x não consegui encontrar nada de original nele, tudo clichê e dos grandes...
    Beijos,

    Gabriel M. Souza
    http://carolespilotro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Também dei 3 estrelas. Comecei a ler sem esperar nada, mas acabei gostando do final. No início, a Thizi é chata e repetitiva, só comecei a curtir a história lá pela metade. Eu gostei, na medida do possível, do Tito. Mas concordo com você, ele bem que poderia ter aparecido mais.
    Bjos

    ResponderExcluir
  4. Ei Caline!

    Então, está aí um livro que não me chama atenção (a começar pela capa que parece a noiva cadáver, rs).

    E ainda bem que o livro é fino, rs.

    Me conta o final por DM?
    Eu não vou ler mesmo...kkk

    Bjins

    ResponderExcluir
  5. Putz, não gosto de história arrastada, a não ser pra ler antes de dormir pra ajudar no sono kkkk

    Beijinhos.

    Flavinha - Chata dos Livros
    www.chatadoslivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Eu ainda não li esse livro, mas tbm não coloquei muita expectativa nele não, sem contar que ele é fininho d+ pra ser algo muito bom, acho que ele se enquadra no regular.

    Bjs
    Amanda
    http://leituraentreamigas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi, tudo bom?
    Desculpa a demora pela resposta do seu comentário fofo lá no blog, meu PC tinha quebrado, mas agora está tudo melhor.
    Gostei muito desta leitura, achei um livro muito bom de se ler.
    E a reviravolta no final foi inacreditável.
    Território das garotas
    @territoriodg
    Bjss *-*
    Passa lá no blog?
    http://territoriodascompradorasdelivro.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Participe do blog... Deixe seu comentário!!!
Sua opiniões, idéias, sugestões... são muito importantes para mim.
Um xero!
P.S: Comentários anônimos não serão aceitos!!!

 
Mundo de Papel © Tema base por So Kawaii. Tecnologia do Blogger.