A Herdeira - Sidney Sheldon

Título Original: Bloodline - 1977

A Roffe e Filhos é uma grande empresa farmacêutica que se expandiu no mercado e vale milhões de dólares. Desde que foi criada, o seu criador e os herdeiros diretos nunca permitiram que as ações da empresa fossem vendidas ao público a não ser que todos os acionistas concordassem de forma unânime com a venda. Agora Sam Roffe, o acionista principal e diretor está morto e sua herdeira Elizabeth está sendo pressionada pelos seus primos e acionistas a vender ações da companhia para o público.

Elizabeth pressente que algo está errado, pois seu pai também era pressionado a vender as ações e nunca havia concordado, agora ele está morto e as causas de sua morte são muito obscuras. Ela resolve investigar e descobre que alguém do alto escalão da empresa estava causando boicotes que causaram vários prejuízos a empresa.

Acidentes sinistros continuam a acontecer fora da empresa e acidentes estranhos também estão acontecendo com ela como se alguém quisesse calá-la assim como fizeram ao seu pai. Ela precisa chegar ao culpado o mais rápido possível, antes que a empresa perca todo seu valor e ela tenha mesmo que vender as ações e antes que ela seja morta em circunstâncias misteriosas assim como seu pai.

Todos são suspeitos, todos os seus primos parecem ter motivos muito urgentes para que essas ações sejam vendidas e eles possam colocar a mão no dinheiro. Todos têm motivos para boicotar a empresa e tentar matar Elizabeth até mesmo o lindo, irresistível e maravilhoso Luke, vice-presidente da empresa e um grande amigo do seu pai, o homem por quem ela é completamente apaixonada desde a adolescência.

Assim como todos os livros de Sidney a história tem muitas reviravoltas e pistas falsas que nos levam a desconfiar de alguém e no momento seguinte mudar e idéia.
Apesar da trama ser muito boa e ser desenvolvida de forma muito ágil, o final é meia-boca, deixando um sentimento de que poderia ter sido muito melhor desenrolado e que muitas pistas falsas lançadas no decorrer do livro poderiam ter sido desvendadas apenas no último minuto dando um suspense maior ao final.

Apesar de esse não ser o melhor livro de Sidney na minha opinião, ele com certeza vale a apreciação.

1 comentários:

  1. Sidney Sheldon é demais. Todos os livros dele que li são ótimos. A Herdeira é mto bom tbm, mas nem de longe é o melhor (mas como vc mesmo disse, vale a apreciação). Oq mais gosto dele é "A Ira dos Anjos" ;)


    Beijoos ;***

    ResponderExcluir

Participe do blog... Deixe seu comentário!!!
Sua opiniões, idéias, sugestões... são muito importantes para mim.
Um xero!
P.S: Comentários anônimos não serão aceitos!!!

 
Mundo de Papel © Tema base por So Kawaii. Tecnologia do Blogger.