Quando chega o amor - Debbie Macomber


Na adolescência, Jessica Kellerman apaixonou-se por seu vizinho Evan dryden. Agora, oito anos mais tarde, todos ainda acreditam que seu coração ainda balança pelo atraente Evan. Todos, inclusive Damian, irmão mais velho de Evan Para Jessica, a situação é frutrante, pois ela está apaixonada por um dos irmãos Dryden, sim. Mas pelo Dryden errado. E desta vez ela tem certeza de que seu sentimento não é uma paixão infantil, mas sim um amor profundo e verdadeiro.

Já ouvi muitas pessoas falarem que o primeiro amor agente nunca esquece e que em casos mais "agudos" você fica presa sentimentalmente a esse amor para sempre. Mas essa não é uma verdade incontestável e os sentimentos podem mudar e provocar surpresas inesperadas.
Foi isso o que aconteceu com Jéssica. Na adolescência ela se apaixonou por seu vizinho Evan Dryden, e esse não era um sentimento que ela fizesse questão de esconder, afinal todos que a conheciam sabiam o que ela sentia, principalmente o irmão mais velho de Evan, Damian Dryden. Depois de oitos anos sem se encontrarem Jéssica consegue uma emprego na empresa de advocacia dos Dryden como assistente jurídica. Quando ela se encontra com Damian, sente algo diferente, o contrário de quando ela se vê frente a frente com Evan depois de anos sem se verem.
Só esclarecendo: o amor de Jéssica por Evan nunca foi correspondido.


Têm muitos momentos no livro que o Damian me faz perder a paciência. Ele é super cabeça dura e mesmo Jéssica repetindo várias e várias vezes que não sente mais nada por Evan, Damian insiste que ela e o irmão devem ficar juntos e que ela é a única cura para forte depressão que tomou conta da vida dele.

Eu adorei a Cathy, amiga da Jéssica. Ela tinha cada idéia para que Damian e Jéssica ficassem juntos, que era completamente sem noção, mas muito engraçadas.

Enfim um romance com um enredo muito legal e que a há muito tempo não encontrava nas revistas de banca. Minhas últimas leituras desse livrinhos não foram nada satisfatórias, sem nada de enredo e com muitas cenas que poderiam ser hot ( e não foram porque a história era muuuuuuuuuuito chata), mas que não engataram!
Um livro super indicado.

Então, Boa Leitura!


P.S: apesar da versão que eu li ser um "Júlia" não existem cenas que vão além de beijos. Ou seja, um livrinho super light!
Outra coisa, eu não encontrei a capa com que ele foi publicado aqui no Brasil e preferi postar a capa original em inglês, além disso ele é muito mais bonita.

0 comentários:

Postar um comentário

Participe do blog... Deixe seu comentário!!!
Sua opiniões, idéias, sugestões... são muito importantes para mim.
Um xero!
P.S: Comentários anônimos não serão aceitos!!!

 
Mundo de Papel © Tema base por So Kawaii. Tecnologia do Blogger.